quinta-feira, 31 de maio de 2012

Conclusão

Depois de tantas decepções, você se torna uma pessoa que não confia mais nas outras. E a linha que separa uma pessoa descrente de uma pessoa amarga é muito tênue. Uma pessoa amarga é infeliz. Uma pessoa descrente é cautelosa, e tem menos chances de se machucar. É triste pensar assim, mas é nisso que o mundo de hoje nos transforma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário